4 de dezembro de 2010

Entrada de um Garoto na Emergência do Hospital São José em Maravilha, causa: Tentativa de Suícidio, motivo: ?!.





Dia __ de Setembro de 2008, 12:41 pm me enveneno em casa.

Logo depois deste fato volto ah escola onde estudei desde aa 1ª Série do Ensino Fundamental para me desculpar com todos sobre o "teatro" que eu havia feito na noite anterior,
enquanto conversava o veneno percorria cada veia,cada artéria de meu corpo. Aos prantos me perguntaram pq tamanho nervosismo?!, respondo então com a maior tranquilidade do mundo:
"- Hoje finalmente meu sofrimento acaba, a morte percore minhas veias e eu sinto que o fim está próximo."
Logo após tal discurso caio recostado em uma cadeira da qual não conseguiria mais levantar sem a ajuda de uma amiga.
Todos muito apavorados ligam para a Emergência e mandam uma ambulância com urgencia para minha escola,nessa hora nãao sentia mais nada, nem dor, nem medo, nada, não sentia absolutamente nada.
Quando chega finalmente o socorro tratam de me tirar dali, a canção entoada pela morte me fazia cochilar.
Mas nãao eu nãao poderia dormir me mantiveram então acordado até a chegada ao Hospital São José de Maravilha, no qual dei entrada na Emergência por tentativa de Suícidio. Eu nãao tinha a menor noção do que estava acontecendo ... Médicos corriam de um lado para o outro aa procura de alguma solução,
até o momento em que uma sonda de 50 cm +/- foi introduzida pelo meu nariz até meu estomago. Foram os minutos mais dolorosos da minha vida. Eu nãao tinha noção da gravidade do que eu acabara de fazer, mas no momento me pareceu a coisa mais certa do mundo a fazer. Eu nãao lembro bem o que aconteceu naquele dia mais foi mais ou menos isso, logo após a lavagem estomacal que fizeram em mim fui levado ah um quarto onde estava mais uma vez sozinho,
 nessa hora meus pais já tinham sido avisado sobre o que eu tinha feito,quando cheguei no meu quarto vejo minha mãae aos prantos perto da cama,ela me pergunta: "- pq vc fez isso?!." eu então simplesmente respondo: "- vc sabe o pq de todo esse sofrimento."
O fato de se ter um filho Homossexual sempre foi um tabu para ele's então nessa hora tentei mostrar força,mesmo estando totalmente dilacerado por dentro. Mas aquela era a minha situação e eu não podia fazer mais
 nada a nãao ser torcer que eu nãao saisse com nem uma coisa mais grave. Eu ficaria internado ali por 3 dias,
os quais foram os mais longos de toda a minha vida,mas serviram para uma cosia ao menos, para o meu amadurecimento como pessoa, hoje eu posso dizer que eu aprendi brincando com a morte que a vida vale muito mais que qualquer coisa.
Foi uma experiencia e tanto,da qual eu tiro somente as coisas boas,pois toda ação tem uma reação. Aprendi a ver a vida de um modo diferente das outras pessoas, comecei a ouvir o que a vida tem de melhor,
hoje dou valo para tanta coisa que antes passava despercebida por mim, o valor de uma amizade, o perfume de uma flor, o canto de um pássaro, o valor de uma amizade, minha vida mudou muito,
por isso talvez eu tenha postado isso, para que as outras pessoas nãao precisem passar por o que eu passei para dar valor aa tantas coisas. Agradeço muito aos meus amigos que estiveram ao meu lado nesse momento tão dificil,e aos que me criticaram meus mais sinceros sentimentos,vocês nunca entederam o que realmente aconteceu. Fica aqui a minha dica galera aproveitem ao máximo ee nãao desperdicem essa chance o.K.

















matHeeus
Beijo*


2 comentários:

  1. Puxa que complicado, afinal suicídio não é a solução de um problema, mto pelo contrário, será um grd problema eterno, nos quais há quem diga que Deus não perdoa algo desse tipo...
    A vida continua..portanto basta viver, enfrentar os obstáculos e barreiras,em busca da felicidade....
    Abçs

    ResponderExcluir
  2. Pois é ... se alguem tivesse pensando em me fazer mudar de idéia
    talvez isso nãao teria ocorrido,
    mas oq importa eh q eu to beem agora
    ee com uma sede de viver enorme !.

    Beijo* Querido.

    ResponderExcluir

A minha opinião eu dei, agora quero ver a de vocês!