25 de abril de 2011



" [...] y hoy me pregunto porque?
me quise tan poco,
y me encerrédando vueltas y vueltas a algo que yo creé!!


~//~


 
Que grande es vereme hoy sin lo anterior
sientiendome tranquilo siendo lo que soy
inofensivo, sereno, amable y cariñoso [...] "


Quiero estar contigo toda mi vida.




23 de abril de 2011



Onde me escondo e ninguém me acha,
Onde sei que o mundo que todos julgam normal não existe,
Onde penso em mim e não em vocês.
“[...] Desvinculação deliberada do mundo cotidiano [...]”

"Há duas portas do sono. Uma é feita de chifre, que dá passagem fácil às sombras da verdade; a outra, de marfim refulgente de alvura, permite que os falsos sonhos ascendam aos céus."
(Eneida VI.893-896)




22 de abril de 2011



Já faz quase um ano, mas ainda tenho o cheiro do chocolate em minha pele, o cheiro que você me proporcionou na páscoa te lembra? Foi um presente, mas o presente que me marcou e ainda está em minha pele, o primeiro de muitos que se sucederam, mas sabe né o primeiro é sempre o PRIMEIRO.

Chocolate na pele representa o desejo, o cheiro que por muitas vezes impregnou no nosso quarto depois de longos banhos tomados juntos. Eu e Você. Era inverno, o espelho do banheiro embaçado e a pele toda arrepiada, você como sempre saiu debaixo do chuveiro primeiro, “nessa parte eu sempre fui o mais preguiçoso”, eu senti o cheiro no ar misturando-se ao nosso cheiro. Depois eu sai meu corpo foi então posto a prova, pele arrepiada, chocolate ... o calor das tuas mãos a acariciar meu corpo tremulo.

Depois disso nossa cama recebeu nossos corpos perfumados e lá podemos nos esquentar, nossos corações batiam forte, nossa respiração ficava cada vez mais acelerada. Mas estávamos lá imóveis. Nossos corpos nus juntos, sem o desejo do prazer mas sim o amor nos unindo em um só. Amor esse agora afagado pelo simples desejo de estar junto, de querer o bem do outro, mas guardando lá no fundo o amor e as lembranças dos momentos vividos.




Era Junho, o banheiro por muitas vezes foi o nosso esconderigio lá onde os nossos desejos mais ardentes se tornavam realidade, onde sabíamos que o amor era o que prevalecia em nós, o carinho, o querer cuidar sempre foram nosso lema, você me protegia como a uma criança indefesa, sabia também como aguçar o meu desejo de Homem. Sempre soube o que fazer e como fazer me envolvendo em sua teia de amor, charme, sedução.
 


Sempre soube que seria assim, no frio do banheiro vivemos os momentos mais quentes de nossa vida, e foi lá também que nos recostamos para um ultimo adeus, a nossa ultima vez nos sentindo um só, respiração ofegante, suor, desejo, pronto agora somente o ecoar do adeus está no frio vazio do nosso Banheiro.



O desejo morreu no frio chãao.



'' Je sais qu'il faudra beaucoup de temps sans se voir,

en sans toucher, sans se sentir le pouls de l'autre.

Il est vrai que je vous avoir à mes côtés tout le temps avec moi pour toujours

mais je n'ai pas moins égoïste

et je sais que vous avez aussi votre vie et vos engagements.[...]''

20 de abril de 2011

~ '' talveez eu nãao tivesse que saaber. '' ~
       Nãao sei o pq,mas me deu uma louca vontade de escrever hoje, escrever sobre tudo,escrever o que nãao tenho coragem de falar. Escrever sobre amor seria româantico demais,ee hj nãao estou nada româantico. Só queria alguéem aqui pra dividir a cama cmg,pra poder dormir afagando os seus cabelos, sem precisar falar nada *-* Ouço musicas que me falam de amor,mas nãao sei qual real ée esse sentimento, neem sei se ele realmente existe e quando ele se torna algo real.
     Um sentimento que por muitas vezes em mim se tornou algo vago,hj me mostra a sua real face .... dor,sofrimento,saudade,vontade de querer estar perto estando longe. O que quer dizer quando o coraçãao da gente bate mais acelerado por alguéem?! ée isso que amor significa?! NÃO SEI, e ninguéem sabe me explicar.pq tem que ser um sentimento tãao complexo e complicado, nãao consigo e talvez nunca conseguirei desvendar qual ée a sua real face.
    Só sei que isso ée pior que droga, estou tãao fora de miim que nãao sei mais onde me encontrar.
          Eu só quero amar como as outras pessoas amam,eu só quero sentir o que elas sentem,será que eu posso?!

“ [...] Eu já não sei respirar quando estou ao lado seu.
Juro que me falta o ar, a paixão bateu.
Deste lado do rio eu posso ver tudo o que é seu
Delicadeza e mistério que nem você percebeu. [...] ’’



Nada mais resta.

19 de abril de 2011

Eu Juro - Adriana Ribeiro






'' [...] Eu vejo a luz do teu olhar
Como uma noite de luar
Luz que me guia aonde eu vou
Você!
Meu motivo prá sorrir
Caminho certo prá seguir
Saiba que é só teu
Meu verdadeiro amor... [...] ''

17 de abril de 2011

''  [...] La primera vez que te conocí [...] ''





~ compartilhando o amor *-*
(alguéem me mandou,só estou repasando) ~




~ amanhã começaa tudo novamente *-* ~
Um bom começo de cmana ah todos

Beijo*



16 de abril de 2011



 
 
[...] I thought that if I didn't go and play
The sadness would get bored and go away
I thought that if I didn't go astray
That all my pain would be in yesterday

But it's true
I'm still blue
But I finally know what to do
I must quit, I must quit, you [...]
 
 
 Hoje a tarde me peguei pensando mais de uma vez,como era bom aquele tempo em que brincar era tudo, não tínhamos tantas preocupações. Só nos preocupávamos se iria chover no outro dia e ficaríamos impossibilitados de brincar *-* a nossa vida girava em torno de brincadeiras, e quando chovia ficávamos assistindo programas como “Bananas de Pijamas’’ na Tv Cultura, como era bom esse tempo. Pena que não volta mais.
Hoje crescemos, nos tornamos adultos e as vezes parece que perdemos o encanto que tínhamos quando ainda pequenos valorizávamos pequenas coisas, mas hoje nossos sentimentos parece- me que foram esmagados pelo relógio do tempo. E não nos demos conta disso a tempo, para que pudéssemos ter salvo pelo menos um pouquinho de todo aquele encanto.
    Quando a vida passa é que nos damos conta de que perdemos um muito de nós pela estrada e que chegamos ao final, muitas vezes vazios de sentimentos. Isso não nos torna necessariamente pessoas ruins, mas vazias.. Sem toda uma bagagem de vida, chegando ao final sem o prazer de ter cumprido a sua missão.
Muitas pessoa não saberão ao final da vida o que realmente isso significa, mas outras verão quão bom foi ter vivido tudo isso, ter feito parte da vida de tantas pessoas e ter deixado um pouco de si nelas, Lembranças que nem o tempo será capaz de apagar.





''.A criança que não cresceu e quer voar.''


14 de abril de 2011

Dia 15 de abril de 2010





Já faz UM ano *-*
ainda sinto saudade.
''Saudade

Saudade é solidão acompanhada,
é quando o amor ainda não foi embora,
mas o amado já...

Saudade é amar um passado que ainda não passou,
é recusar um presente que nos machuca,
é não ver o futuro que nos convida...

Saudade é sentir que existe o que não existe mais...

Saudade é o inferno dos que perderam,
é a dor dos que ficaram para trás,
é o gosto de morte na boca dos que continuam...

Só uma pessoa no mundo deseja sentir saudade:
aquela que nunca amou.

E esse é o maior dos sofrimentos:
não ter por quem sentir saudades,
passar pela vida e não viver.

O maior dos sofrimentos é nunca ter sofrido.''


10 de abril de 2011


“As The World Turns”
''[...] Sua consciência não vai te deixar dormir

 Pois ninguém mais faz palhaçada pra te ver sorrir

 Ninguém vai te abraçar pra ver o sol se por


Ninguém vai escrever no muro uma história de amor [...]'''
''[...]Todo mundo ama um dia, todo mundo chora
Um dia a gente chega no outro vai embora
cada um de nós compõe a sua história
cada ser em si carrega o dom de ser capaz
e ser feliz[...]''





2 de abril de 2011



Somos Bi-Campeões da Gincana da UNOCHAPECÓ 2011

Musica: Born This Way - Lady GaGa
Revistas: 261 kg mais ou menos
Brinquedos Educativos: muitoooos brinquedoss *-*

Mantendo o titulo ... JORNALISMO.
    

     Num dos lados do riacho o escorpião pediu ajuda ao sapo para passar para a outra margem. O sapo anuiu e começaram a atravessar.
A meio do percurso o escorpião picou o sapo com o seu espigão, largando o seu veneno.
O sapo começou a sucumbir, mas ainda encontrou força para perguntar:

– Porque me fizeste isso, mesmo sabendo que poderás não chegar ao outro lado sem a minha ajuda?
O escorpião desculpou-se, acrescentando,



está na minha natureza!