30 de maio de 2014

Reticências (as odeio)

    Se tem uma coisa que eu aprendi a desgostar com o passar do tempo são as famosas reticências (...) Sinto-me incomodado quando as vejo, seja por qual motivo for, não consigo me adaptar, ou até mesmo ver algum significado óbvio nelas. Algo que fica suspenso, sem a menor significação. Nunca comentei aqui, mas faço Letras (duas graduações com vertentes distintas, ambas), me pego lendo alguns textos e não as encontro neles, mas nos meus - elas estão presentes de forma fixa, até mesmo em títulos. 

 -  Por ser algo que me incomoda muito, por qual motivo as uso em minhas postagens?


   Sentimentos mal expressados, palavras que são para ficarem subentendidas, ou até mesmo deixar que as coisas fiquem no ar, e assim não me importar muito com o que os leitores vão pensar, deixar que a imaginação de cada um delimite o final do texto que, muitas vezes não tem fim. Na minha fala as vezes as uso, de forma impensada, mas quando aquela pausa grande aparece (...) entre uma fala séria (ai que elas aparecem), ainda mais quando estou conversando sobre assuntos que considero tensos, na grande maioria com a pessoa que estou me relacionando, não tenho por hábito ser claro, é quando os três pontinhos mais conhecidos, aparecem!

     Ando me policiando quanto a minha forma de falar/escrever, pensar e agir, sinto que está na hora de mudar e esse mudar tem feito grandes estragos no meu Eu, mas estragos esses que estão servindo para aprimorar quem eu sou, e me fazendo rever, parar, e ouvir muito mais. Tenho certeza que não são de reticências que preciso, mais sim, vírgulas e pontos.






Reticências ( ... )
As reticências marcam uma suspensão da frase, devido, 
muitas vezes a elementos de natureza emocional.

6 comentários:

  1. No título do seu blog tem reticências viu? Pelo menos no que aparece pra mim aqui. Porém eu acho que esse texto (pelos marcadores) tem a ver com algo que aconteceu com seu namorado, mas vc não contou, então não podemos ajudar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não tem mais não FOXX?!
      Teve a ver sim com ele, em partes, mas não de todo.

      Excluir
  2. Respostas
    1. Pois é Bratz, já as amei mais HAHAHA Mas agora - não mais! \o/ Estou me libertando delas! APOKSAPOSKAOPSKAP

      Excluir
  3. Puxa,como tu escreves bem! Mas olha o sentido se eu usasse as reticências: Puxa,como tu escreves bem...(pareceu diferente,né?)
    Não tinha pensado nisso,mas é verdade, às vezes usá-las não completa bem a frase,gera uma dúvida em quem está lendo)
    Mas te confesso q uso muito...ops,uso muito!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Madi, obrigado pelo elogio, juro que fiquei vermelho aqui hehehe! O fato delas não completarem bem as frases foi o que me fez pensar nisso sabe, por muitas vezes me peguei com meias palavras, meios termos, meios sentimentos até, mas hoje não mais. Quero verdade nas palavras, quero sentimento nelas, e quando se tem sentimento, não se pode ter (...) Vamos tentar escrever algo sem usa-las?! Creio que seria interessante a experiência.

      Excluir

A minha opinião eu dei, agora quero ver a de vocês!