14 de junho de 2014

Queria Não Querer!

Ás vezes queria não querer tanto,

O café da padaria da esquina
O colo da mamãe
O chocolate quente do hangar

O livro do carinha do banco do lado no ônibus
O ‘oi’ do vizinho

Queria não querer

O bom dia com um sorriso
O nascer do sol
O amor do namorado
O Pôr do Sol

Aquilo
Ou aquele

Quem sabe?

Só não queria!


10 comentários:

  1. Respostas
    1. As vezes o problema está nisso mesmo amigo, querer demais rsrs

      Excluir
  2. Eu luto diariamente exigindo tudo isso!!

    Adorei seu blog e principalemente pelo que escreveu no seu perfil!

    Se vc deixar vou compartilhar... posso?

    Já estou te seguindo!

    Grande abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, quem não luta com isso todos os dias não sabe a dor de querer tanto algo.

      Que bom que gostaste daqui, espero que volte sempre *-* Claro que pode compartilhar, hehehe

      Mega Abraço Queridão!

      Excluir
  3. Gostei do texto....
    Vivemos querendo tudo, e tudo que queremos é viver...rs
    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou do texto amigo!
      Vivemos querendo tudo mesmo, mas o que mais queremos é viver, realmente! :D


      abração Querido!

      Excluir
  4. Quem dera, tudo que quisessemos
    fosse assim tão simples, todos
    nós quero isso e queremos mais.
    E se querer é poder como diz o dito
    vamos continuar querendo!
    Gostei do texto, um abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou do meu texto querido! O fato de querermos sempre mais e mais as vezes assusta hehehe - enquanto o querer é simples, a vida continuará sendo bela! ;)

      Abração!

      Excluir
  5. "Não querer", meu caro, é uma dádiva em váááááários casos! ;) Boa semana!

    ResponderExcluir

A minha opinião eu dei, agora quero ver a de vocês!